Home > Metais de transição > Cobalto          

Cobalto

Para acessar o desenho artístico do elemento cobalto, clique aqui.

27
58,933
2.900
1.495
8,9
2,3

Co
Cobalto

Amostra de cobalto.
Amostra de cobalto.

Embora detectado em jóias e peças de cerâmica egípcias, persas e chinesas que remontam ao terceiro milênio a.C., só em 1735 o cobalto foi isolado, pelo sueco Georg Brandt.

Cobalto é um elemento químico metálico, de símbolo Co, de coloração branco-prateada com matizes azulados. São conhecidas duas formas alotrópicas, uma com estrutura cristalina hexagonal compacta, estável até 417º C, e a outra, cúbica de face centrada, estável a temperaturas superiores.

O cobalto é detectado no sol e em outras estrelas. Constitui apenas 0,001% da crosta terrestre, onde se apresenta em pequenas quantidades ou associado a outros elementos, em minerais como a a cobaltita, AsSCo; eritrina, (AsO4)2Co3.8H2O; e esmaltita, As2Co. Está presente também no solo e na água do mar, e faz parte de moléculas importantes para o metabolismo animal, como a vitamina B12 (cianocabalamina).

Devido a sua elevada permeabilidade magnética, mesmo em altas temperaturas (até 1.121º C), é especialmente empregado na produção de ligas magnéticas, utilização que consome cerca de um quarto da produção mundial. O restante é destinado à fabricação de peças de precisão e de ligas especiais para odontologia, ou como matéria-prima na indústria de cerâmica. Um dos principais sais de cobalto é o sulfato CoSO4, empregado em processos de galvanoplastia, na preparação de agentes secantes e na fertilização de pastagens. Outros sais de cobalto têm importantes aplicações na produção de catalisadores, secantes, etc.

Na natureza é encontrado somente o isótopo de peso atômico 59, mas pode-se obter o isótopo Co60. Radioativo, que constitui a base das bombas de cobalto utilizadas na terapia de câncer. No Brasil, existem concentrações de óxidos de cobalto em Niquelândia, GO.

Propriedades físicas e químicas do cobalto:
Número atômico: 27
Peso atômico: 58,9332
Ponto de fusão: 1.495º C
Ponto de ebulição: 2.908º C
Densidade: (20º C) 8,9 g/cm3
Estados de oxidação: +2, +3
Configuração eletrônica: 2-8-25-2 ou (Ar) 3d74s2

 

 

 

   Desenhos Artísticos | Versões | Versão para Impressão | Vídeos | Família dos Elementos | História | Links | Contato 

  © 2011 Tabela Periódica Online | Termos de Uso | Mapa do Site                        

 

 

Objetivos do site Tabela Periódica Online:

O site Tabela Periódica Online é um site educacional, cujo objetivo é promover a difusão de conhecimentos acerca da química, especificamente sobre a tabela periódica e seus elementos, auxiliando alunos de ensino médio e superior em seus estudos. Este site também visa auxiliar professores no processo de educação de seus alunos, atuando como objeto facilitador, como ferramenta na preparação de suas aulas, exposição de conteúdos de uma forma interativa e atrativa ao aluno, utilizando tecnologias modernas de ensino, que englobam ferramentas como computador, multimídia, internet, informática, estudos online, educação à distância.

Público alvo deste site:

Estudantes do ensino / educação superior (faculdade, universidade), do ensino médio (colégio, escola pública ou particular), alunos que estão se preparando para o vestibular (cursinho, curso pré-vestibular, terceirão), alunos de curso de capacitação, curso preparatório para concurso público e vestibular, cursos online, educação à distância, cursos de preparação para o mercado de trabalho, treinamento empresarial, empregos e melhoria de currículo. Professores de ensino médio e educação superior, interessados em atualizar suas aulas com métodos modernos e atuais de educação, utilizando internet, laboratório de informática, computador e multimídia.

Ao utilizar este site em seus estudos, você deverá ser capaz de:

Localizar o elemento químico dentro da tabela periódica, citando seu nome, símbolo, sua família, grupo, número atômico e massa atômica. Identificar as principais características e funções do elemento em questão, como cor, densidade, abundância na natureza, localização no meio ambiente e aplicações. Deverá também conhecer dados históricos do elemento estudado, como o nome do cientista que o descobriu, data e local.

Envie sua colaboração: sugestões ou correções de conteúdo:  

Caso você queira dar sugestões de conteúdos relacionados com as informações acima, enviar correções ou atualizações pertinentes ao tema do site, entre em contato e envie-nos um e-mail com sua colaboração. Para isso, clique aqui.