Home > Outros metais > Antimônio          

Antimônio

Para acessar o desenho artístico do elemento antimônio, clique aqui.

51
12,75
1.380
630,5
6,62
±3,5

Sb
Antimônio

Amostra de antimônio.
Amostra de antimônio.

Assim como a água, o antimônio ao solidificar-se apresenta uma expansão volumétrica, característica que o torna muito útil como componente de liga durante a moldagem de metais.

O antimônio (Sb) é um elemento metálico pertencente à família do nitrogênio, encontrado sob diversas formas alotrópicas (estruturas cristalinas diferentes, resultantes de arranjos atômicos espaciais diversos). Encontrado em seu estado nativo em pequenas quantidades, é mais abundante como sulfeto, no minério estibinita (Sb2S3), que tem 72% de antimônio, e em sulfetos metálicos complexos, em maiores teores.

Em estado bruto o antimônio é um sólido cristalino, porém friável, de coloração branco-acinzentada e brilho metálico, sendo bom condutor térmico e elétrico. À temperatura ambiente é inerte, e queima quando aquecido em presença do oxigênio seco. É atacado lentamente pelos ácidos clorídrico e sulfúrico concentrados a quente. Entretanto, reage rapidamente com o ácido nítrico diluído, e é prontamente solúvel em água régia.

É obtido através da ustulação da estibinita, com a formação do óxido de antimônio, que em seguida é decomposto em seus elementos durante tratamento térmico em presença do carbono; através da fusão do minério com sucata de ferro. Nesse caso, o ferro se combina com o enxofre liberando o antimônio metálico, o qual, por ser mais denso, se deposita no fundo do forno.

O antimônio é usado em ligas, com o chumbo e o estanho na fabricação de metal antifricção, sendo amplamente empregado na preparação de placas para baterias, revestimento de cabos e tipos de impressão. Compostos de antimônio são também empregados na indústria da borracha e, em pigmentos, na fabricação de vidros. Em pequena quantidade, seus compostos entram na elaboração de produtos farmacêuticos.

Propriedades físicas e químicas do antimônio:
Número atômico: 51
Peso atômico: 121,75
Ponto de fusão: 630,5º C
Ponto de ebulição: 1.380º C
Densidade: 6,31g/cc a 20º C
Estados de oxidação: -3, +3, +5
Configuração eletrônica: 1s22s22p63s23p63d104s24p64d105s25p3

 

 

 

 

   Desenhos Artísticos | Versões | Versão para Impressão | Vídeos | Família dos Elementos | História | Links | Contato 

  © 2011 Tabela Periódica Online | Termos de Uso | Mapa do Site                                       

 

 

Objetivos do site Tabela Periódica Online:

O site Tabela Periódica Online é um site educacional, cujo objetivo é promover a difusão de conhecimentos acerca da química, especificamente sobre a tabela periódica e seus elementos, auxiliando alunos de ensino médio e superior em seus estudos. Este site também visa auxiliar professores no processo de educação de seus alunos, atuando como objeto facilitador, como ferramenta na preparação de suas aulas, exposição de conteúdos de uma forma interativa e atrativa ao aluno, utilizando tecnologias modernas de ensino, que englobam ferramentas como computador, multimídia, internet, informática, estudos online, educação à distância.

Público alvo deste site:

Estudantes do ensino / educação superior (faculdade, universidade), do ensino médio (colégio, escola pública ou particular), alunos que estão se preparando para o vestibular (cursinho, curso pré-vestibular, terceirão), alunos de curso de capacitação, curso preparatório para concurso público e vestibular, cursos online, educação à distância, cursos de preparação para o mercado de trabalho, treinamento empresarial, empregos e melhoria de currículo. Professores de ensino médio e educação superior, interessados em atualizar suas aulas com métodos modernos e atuais de educação, utilizando internet, laboratório de informática, computador e multimídia.

Ao utilizar este site em seus estudos, você deverá ser capaz de:

Localizar o elemento químico dentro da tabela periódica, citando seu nome, símbolo, sua família, grupo, número atômico e massa atômica. Identificar as principais características e funções do elemento em questão, como cor, densidade, abundância na natureza, localização no meio ambiente e aplicações. Deverá também conhecer dados históricos do elemento estudado, como o nome do cientista que o descobriu, data e local.

Envie sua colaboração: sugestões ou correções de conteúdo:  

Caso você queira dar sugestões de conteúdos relacionados com as informações acima, enviar correções ou atualizações pertinentes ao tema do site, entre em contato e envie-nos um e-mail com sua colaboração. Para isso, clique aqui.